Parque Metropolitano do Abaeté ganhará busto em homenagem a ialorixá Mãe Gilda

Itailuan Anjos

A ialorixá baiana Gildásia dos Santos, a Mãe Gilda, um dos maiores símbolos da luta contra a intolerância religiosa na Bahia, será homenageada na próxima sexta-feira, 28 de novembro, às 9h, no Parque Metropolitano do Abaeté (Lagoa do Abaeté), bairro de Itapuã. Na ocasião, o Ilê Axé Abassá de Ogum, fundado pela sacerdotisa e atualmente gerido por uma de suas herdeiras, a também ialorixá Jaciara Ribeiro, promoverá a inauguração do Busto de Mãe Gilda, monumento que ficará instalado na entrada do bairro e promete ser um ponto de referência para os terreiros de candomblé da comunidade.

A homenagem à religiosa acontece quase 15 anos após ela sofrer um infarto e morrer, em decorrência da invasão do seu terreiro e de difamações propagadas por um jornal impresso evangélico, editado pela Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd).

maegilda
Na foto Mãe Jaciara, sucessora de Mãe Gilda no Terreiro Axé Abassá de Ogum.

“Será um momento de emoção, de reparação para todas as mulheres negras de candomblé. É hora de relembrar a história e tornar o Busto de Mãe Gilda uma referência para os terreiros da comunidade de Itapuã e de toda Bahia”, espera a filha da homenageada, Mãe Jaciara de Oxum, que serviu como modelo para a artista plástica Márcia Magno conceber a escultura.

“Mãe Gilda não era uma mulher de tirar fotos, então foi preciso recriar o rosto dela a partir do meu”, explica a líder religiosa, atualmente coordenadora nacional do Setorial de Religiões de Matrizes Africanas do Coletivo de Entidades Negras (CEN).

A celebração à memória de Mãe Gilda está dentro da programação do Novembro Negro e dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres. O evento conta com o apoio institucional da Fundação Cultural Palmares, da Secretaria Estadual de Política para Mulheres (SPM) e da Fundação Gregório de Matos.

Após o coquetel de inauguração do busto da ialorixá, o grupo As Ganhadeiras de Itapuã, composto por mulheres negras do famoso bairro soteropolitano, apresentará seu novo show.

Fonte: Tribuna da Bahia

Next Post

Encontro debate memórias de Itapuã

Que Itapuã é o lugar das grandes histórias, não é novidade. O bairro abriga acervos musicais, heranças culturais e foi eternizado por uma gama de artistas, nas mais variadas produções. Em alusão a esta importância histórica, Itapuã recebe no próximo dia 28 de novembro o projeto Memória dos Bairros, uma […]