Carros públicos são “engolidos” pelo mato em Itapuã

veículos-abandonadosEBDA garante que veículos não reúnem condições de circulação

É uma imagem de provocar desconforto. Ao menos 20 veículos, comprados com dinheiro público, oriundo de impostos pagos pela população, apodrecem em uma área verde localizada nos fundos da EBDA (Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola), no Parque de Exposições, em Itapuã, Salvador.

Alguns veículos são antigos, mas em outros, é possível notar que haveria condição de uso, bastando apenas uma manutenção. Alguns veículos demonstram ter menos de cinco anos de uso.

O problema é que a situação de descaso acaba extrapolando a razão. O tempo de abandono é tão evidente que alguns veículos estão completamente tomados pelo mato.

Apesar da denúncia, a EBDA garantiu, por meio de nota, que “os veículos que se encontram nas instalações do Centro de Treinamento da empresa, em Itapuã, não podem mais circular. São carros com mais de 15 anos de circulação e que atualmente não apresentam condições de uso. Devendo assim, ser encaminhados para leilão, que já está sendo providenciado pela instituição”, afirma o documento.

Apesar do devido destino, a assessoria do órgão não soube informar quando este leilão será realizado. Pelo estado em que se encontram, só há um destino provável para estes carros: o ferro velho ou as fornalhas da siderúrgica localizada em Simões Filho.

Next Post

O lixo, as ruas e a multa de R$ 400,00

Os vereadores aprovaram lei que pune quem jogar lixo nos logradouros públicos. Em primeiro momento, o infrator será advertido e será encaminhado para atividade socioeducativa em caso de reincidência. Havendo persistência, será multado em até R$ 400,00. A julgar pela quantidade de pessoas que não sabem conservar o espaço onde […]