10 de outubro de 2020

Encontro debate memórias de Itapuã

Que Itapuã é o lugar das grandes histórias, não é novidade. O bairro abriga acervos musicais, heranças culturais e foi eternizado por uma gama de artistas, nas mais variadas produções. Em alusão a esta importância histórica, Itapuã recebe no próximo dia 28 de novembro o projeto Memória dos Bairros, uma iniciativa do Centro de Memórias da Bahia, que pertence a Fundação Pedro Calmon.

sereia

O encontro conta com a palestra da professora Tania Gandon, que vai apresentar o livro “A Voz de Itapuã”, resultado de uma tese na área da história oral. “A obra agrupa − em torno dos temas mais constantes da memória narrada a muitas vozes − vários trechos das falas dos que se apresentavam então como itapuãzeiros, por serem membros legítimos da antiga comunidade dos pescadores locais.

O primeiro projeto, com o objetivo de resgatar as memórias foi realizado na antiga Fundação Cultural do Estado da Bahia, na década de 1980. Batizado de História dos Bairros de Salvador, contou com a participação de vários pesquisadores e inúmeras pessoas que deram depoimentos sobre bairros tradicionais nos quais habitavam.

A diretora destaca ainda a importância do evento. “Não há uma pesquisa ampla sobre os bairros, é difícil achar pessoas que tenham realizado pesquisas, então temos discutido com a comunidade essas histórias. É importante para a construção da identidade dos moradores saber a história da comunidade”, completa.

Memória dos Bairros_ITAPUÃ ok

De acordo com Jacira, a iniciativa está na segunda edição e já passou pelos bairros de Pirajá, Liberdade, Alto das Pombas e Calabar. Após Itapuã, será finalizada nos Barris, no mês de dezembro.

O projeto Memórias dos Bairros acontece a partir das 14h na Casa da Música, é aberto ao público e tem entrada franca. A Casa da Música fica localizada no Parque Metropolitano do Abaeté.

Fonte: ItapuãCity