5 de setembro de 2020

Estudantes do Rotary falam sobre o seu dia-a-dia na escola

A equipe do ItapuãCity entrevistou nesta semana alunos do colégio estadual Rotary, para saber a opinião de cada um sobre a atual situação do bairro, e abordando também um pouco do dia-a-dia deles na escola. Foram entrevistados três estudantes, Gorete Silva, Ruana Whemyly e Leandro Lima, que moram em bairros distintos.

gorete

Gorete mora na região metropolitana de Salvador, no bairro de Itinga, e falou um pouco como é para ela estudar em Itapuã:

“É bom estudar em Itapuã, porque é um lugar diferente e acabo conhecendo novas pessoas. Esse foi um dos motivos na hora de escolher o Rotary, gosto de estudar em colégios que ficam distante de onde moro.”

ruana

Já Ruana, que mora em Sussuarana, optou pelo Rotary por influência de amigos:

“Alguns amigos diziam para mim que o ensino do Rotary era muito bom, e realmente vi que é verdade. Gosto do ensino, dos professores e das amizades que acabei criando. A princípio fui influenciada pelo ensino, e consequentemente passei a gostar do colegio como todo.”

leandro

Leandro é morador do Jardim das Margaridas, e trouxe a tona não só os prós, mas também a parte “negativa” que ele enfrenta atualmente:

“Estudar em Itapuã é bom, o ruim é só na hora de voltar pra casa que o ônibus demora muito para passar. Fora isso, gosto muito do Rotary, já é o meu segundo ano aqui.”

Fonte: ItapuãCity