Moradores de Itapuã reivindicam retorno de linha de ônibus e Transalvador responde

Usuários do ItapuãCity entraram em contato com a nossa redação, afim de entender o motivo que tem levado a escassez de linhas de ônibus que circulam até o Abaeté. O principal motivo para a reivindicação foi a retirada da linha Itapuã x São Joaquim que fazia o percurso até a região, além do horários .

O radialista e morador do bairro, Tony Ravel comenta já ter entrado em contato até com a Câmara dos Vereadores alegando que a linha Itapuã x São Joaquim saiu de circulação sem aviso prévio. “Eles alegaram que não tinha passageiro suficiente para manter essa linha”, conta.

Para ele, o problema com o transporte público vai além da falta de opções.  Ravel destaca que existe uma grande deficiência em relação aos horários disponíveis.  “Aqui os ônibus circulam a partir das 5hrs da manhã. Logo em seguida temos às 5h30, 5h50 e depois 6h10. Mas eles atrasam muito e ficam filas imensas. É ruim para gente que tem que acordar tão cedo, ainda pegar o ônibus cheio, pagando um valor, que na minha concepção é caro.  O transporte urbano está deixando muito a desejar”, lamenta o morador.

fimdelinhaabaete
Situação do final de linha do Abaeté. / Foto: ItapuãCity

Nesse sentido, a equipe do ItapuãCity entrou em contato com a Transalvador, através de sua assessoria, para maiores informações e esclarecimentos sobre o assunto.

De acordo com o órgão municipal, a linha Itapuã x São Joaquim, foi desativada desde julho de 2010, por conta da baixa demanda. Eles informaram ainda, que não existe a possibilidade de retorno, principalmente por haver outras opções de linhas urbanas e metropolitanas para os moradores, na Avenida Octávio Mangabeira.

“Para ampliar as possibilidades de deslocamento, o órgão orienta os usuários a fazer a integração do Bilhete Único, através do Salvador Card Avulso ou fazer a integração pela Estação Mussurunga”, ressalta.

Alguns moradores têm questionado também sobre o intervalo inconstante dos ônibus nesta redondeza. Sobre o assunto, a Transalvador confessa que o momento agora é de mudança. “Estamos aguardando a finalização do processo licitatório, quando serão implementadas melhorias no transporte público, inclusive um melhor monitoramento e acompanhamento da operação, que permitirá uma maior regularidade de horários nas linhas”.

Eles informaram para a nossa equipe, que está sendo planejada futuramente, uma reestruturação  na rede de linhas de ônibus que atenda toda a cidade, com o intuito de melhor atender toda a população de Salvador, inclusive do bairro de Itapuã.

Fonte: Itapuã City

Next Post

O Japão invade Itapuã em festival

Os amantes e simpatizantes da cultura oriental terão oportunidade de conferir as peculiaridades deste universo no VIII Festival de Cultura Japonesa, que acontece entre os dias 30 e 31 de agosto, no Parque de Exposições, em Itapuã. O evento reúne uma gama de atividades entre oficinas, apresentações musicais, culinária, jogos, […]