Lomanto Júnior: colégio de Itapuã se destaca com ações sociais e educação de qualidade

O objetivo inicial que culminou na criação do Colégio Estadual Governador Lomanto Júnior, em Itapuã, consistia no desejo dos moradores – pescadores e ganhadeiras – que buscavam uma escola que representasse a identidade deles. A história da instituição, originada há mais de 50 anos, não contava, porém, que a atualidade apresentasse tantos ganhos, não só educacionais, mas também sociais. 

Atendendo não só alunos da região, mas também de toda capital baiana, o Lomanto Júnior tem conquistado cada vez mais seu espaço, sendo considerada uma instituição de ensino de referência. Prova disso são os diversos prêmios recebidos por conta da realização de projetos que contemplam o esporte, as artes e o acesso às universidades públicas e particulares, além da promoção de cursos técnicos.

Em 2014, a instituição recebeu prêmios nos projetos Auxiliar de Vida Escolar (AVE), Festival Anual da Canção Estudantil (FACE), Encante e Tempos de Arte Literária (TAL), ambos realizados pela Secretaria da Educação do Estado da Bahia. Além disso, o Fundamental II obteve destaque no Ciência na Escola e representou a Bahia na premiação, em Sauípe. A escola obteve ainda a eleição da Jovem Parlamentar, Ravanna Amorim, que concorreu em Brasília com todas as escolas públicas de Ensino Médio da Bahia, representando o estado durante dois anos, em busca de melhorias para o Ensino Básico, através de viagens  por países do Mercosul, trocando experiências e conhecendo outras realidades.

No mesmo período a escola desenvolveu ações como o Pacto Pelo Ensino Médio, cujo objetivo é o protagonismo juvenil – iniciativa que culminou na revitalização do colégio. Já em 2015, em virtude da mesma ação, a professora Cátia Valentina, que leciona a disciplina Língua Portuguesa, foi homenageada no dia do professor pela Secretaria da Educação e ainda com uma matéria que retrata o respeitoso trabalho desenvolvido na instituição, com veiculação a nível estadual. 

No ano passado, o Lomanto Júnior conquistou novamente premiações nos projetos AVA e TAL, e ainda reconhecimento no projeto Educação Patrimonial e Artística (EPA). Pela instituição são disponibilizadas ações como a realização de projetos, seminários e aulões para o Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM), que tem rendido como frutos diversas vagas na Universidade Federal do Estado da Bahia (UFBA), e alunos alcançando notas na Redação, que variaram de 580 a 900, garantindo colocações entre 1º e 3º lugares em vários cursos federais em todo país. 

Há ainda a Ação Cidadã, projeto desenvolvido pelo colégio, que leva os alunos para visitas ao Lar dos Idosos em Vida Nova (ACCABEM). Além disso, são realizadas também as gincanas Sustentabilidade e do Conhecimento, o Sarau Literário, o Intervalo Cultural e a Mostra de Ciências com experimentos científicos, oficinas de turbantes e o Desfile da Beleza Negra.

Matrículas 2016

Com todas essas ações que reconhecem o Colégio Estadual Governador Lomanto Júnior como uma instituição de ensino com credibilidade e responsabilidade social, é natural que haja uma disputa acerca da quantidade de vagas livres para matrícula.

No entanto, a escola ainda possui algumas vagas disponíveis para o ano letivo de 2016. Os interessados em se matricular devem comparecer à instituição, munidos da documentação necessária para matrícula. São ofertados, além do Curso Técnico em Turismo, vagas para os ensinos Médio de Formação Geral e Fundamental II, divididos nos três turnos. 

Next Post

Moradora de Itapuã é eleita Rainha Malê DeBalê 2016

O maior balé afro do mundo, Malê DeBalê, oriundo de Itapuã, elegeu na noite de domingo (24), a sua representante para o Carnaval 2016. A eleita foi a moradora do bairro, Priscila Reis, de 19 anos, que disputou o título com outras cinco candidatas, através de uma severa seleção feita por jurados […]