28 de novembro de 2020

Projeto Sextas Instrumentais encerra temporada com apresentação na Casa da Música

Após uma temporada que, desde julho, percorreu centros de cultura em Salvador e Lauro de Freitas, o projeto Sextas Instrumentais, uma parceria entre a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) e Orquestra Sinfônica da Bahia (OSBA) realizará sua última apresentação em 2015. No dia 04/12, às 15h, a camerata Opus Lumem apresentará seu repertório que contempla peças eruditas e música popular na Casa da Música, espaço cultural administrado pela SecultBA em Itapuã.

Os concertos tem caráter artístico-pedagógico e caracterizam-se pela execução de um repertório que mescla a música erudita e popular, intercaladas com a explicação sobre as obras, seus compositores e período histórico em que foram criadas, entre outras abordagens, promovendo diálogo do público com o universo da música clássica. O projeto foi planejado visando que todos os grupos circulassem pelos espaços culturais participantes desde o inicio da temporada: Cine Teatro Lauro de Freitas, Solar Boa Vista, Centro Cultural de Plataforma, Espaço Cultural Alagados e Casa da Música.

Espaços Culturais da SecultBA – A Secretaria de Cultura do Estado da Bahia mantém 17 espaços culturais geridos pela Diretoria de Espaços Culturais (DEC), e localizados em diversos Territórios de Identidade. Destes, cinco encontram-se em Salvador – Cine Teatro Solar Boa Vista, Espaço Xisto Bahia, Casa da Música de Itapuã, Centro de Cultura de Plataforma e Espaço Cultural Alagados – e 12 nos municípios de Alagoinhas, Feira de Santana, Guanambi, Itabuna, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Mutuípe, Porto Seguro, Santo Amaro, Valença e Vitória da Conquista. Para mais informações, acesse:www.espacosculturais.wordpress.com.

Projeto Sextas Instrumentais – Dezembro 2015
Quando: Sexta-feira, 04/12, às 15h
Local: Casa da Música: Alto do Abaeté, S/N – Itapuã, Salvador – BA
Quanto: Grátis

Mais informações:

Telefone: 71 3103-3278
Site: www.cultura.ba.gov.br

flyer-sextasintrumentais


Fonte: ASCOM – SecultBA