Itapuãzeiro conquista título de Campeão Baiano 2014 no jiu-jitsu

Redação 6

Quando tudo parecia estar de cabeça para baixo, o jiu-jitsu escolheu o itapuãzeiro Erick Carmo para dar a volta por cima. O jovem entrou para o esporte pouco tempo depois de perder os familiares em um acidente de carro, em 2011. Após três anos, muito treino e dedicação levaram o atleta a conquistar no último domingo (07), o título de Campeão Baiano 2014, pela Federação Baiana de Jiu-Jitsu Esportivo, na categoria adulto, peso leve.

Segundo Erick, o Campeonato Baiano de Jiu-Jitsu 2014 é dividido em 12 etapas. “Durante o ano, lutei em todas as fases e ganhei algumas. Na final, já possuía a quantidade de pontos para ser campeão. Então, no ranking geral do peso leve fiquei em primeiro lugar”, conta o lutador.

jiu 2

O esportista afirma que para chegar ao topo, porém, foi preciso bastante esforço. “A preparação física é muito importante, pois é um esporte que exige muita força. Nos dias que precedem o campeonato, procuro comer apenas alimentos leves”, diz. “Conto também com o apoio dos professores Bosko Ribeiro e Luís Ferlin e meu sensei, André Soneka para o treino”, completa Erick.

A rotina do lutador inclui ainda treino diário de seis a oito horas, técnicas de repetição de posição e abdicação de muitos hábitos que jovens da sua idade têm. “Bebidas, noitadas já não fazem mais parte da minha rotina. Muitas vezes deixo de sair ou ir para uma festa para ficar treinando. Nos fins de semanas enquanto todos vão à praia, eu treino”, ressalta.

jiu 4

Aluno do Projeto Arte Suave, localizado no Campo da Ilha, em Itapuã, Erick acredita que o esporte tem a função de resgate social. “Na época que ingressei, como treinava muito, acabava esquecendo a realidade fora do tatame. O principal objetivo dos professores é promover o resgate social”. Para ele, a conquista do título pode motivar mais jovens. “Fiquei muito feliz em poder representar minha academia e ser exemplo pra tantos outros”, frisa.

jiu 3

O itapuãzeiro que começou a participar dos campeonatos em 2013 acumula outras vitórias, como o 2º lugar no Campeonato Baiano 2013, o 3º lugar no Campeonato Brasileiro pelo Norte Nordeste e a participação no Campeonato Sul-Americano este ano. Agora ele quer voos mais altos. “Estou à procura de patrocínios para tentar lutar na Califórnia e outros campeonatos fora, representando nossa Bahia, nossa Itapuã. Quero ser campeão mundial”, conclui Erick.

Fonte: ItapuãCity

Next Post

Técnica das famosas para tratar rugas, linhas de expressão e estrias agora em Itapuã

Que tal tratar das rugas, linhas de expressão, cicatrizes de acne, flacidez e até mesmo as temidas estrias de maneira rápida e eficaz?!Essa é a proposta do microagulhamento, técnica queridinha das famosas  que consiste na utilização de um equipamento com microagulhas, que provoca microlesões na pele, fazendo com que a […]