Moradores do bairro de Itapuã, em Salvador, fizeram na última sexta (6) um mutirão de limpeza da lagoa do Abaeté, situada na área de proteção ambiental do Parque Metropolitano das Lagoas e Dunas do Abaeté.

O grupo se reuniu no local por volta das 8h e fez um trabalho de retirada das baronesas (plantas aquáticas), que estavam em grande número nas águas e representam indícios de poluição.

O Parque do Abaeté foi fundado em 1980 e é um importante ponto turístico da capital baiana. Além das paisagens da natureza, lá funcionam locais tradicionais, como o Museu da Casa da Música e a Casa das Lavadeiras.