Sanitários químicos são queimados em Itapuã

banheiro_4_
Foto: G1

Em protesto realizado pelos ambulantes ontem quarta-feira (2) pela manhã na praia de Itapuã, em Salvador, dezesseis sanitários químicos e dois toldos de proteção medindo 6x6m foram destruídos e queimados. O ato de vandalismo ocorreu durante protesto contra a operação de fiscalização e ordenamento realizada pela Secretária Municipal de Ordem Pública (Semop) que visa apreender equipamentos irregulares e retirar ambulantes que atuam sem licença na orla.

De acordo com a secretária da Semop, Rosemma Maluf, o prejuízo causado é de aproximadamente R$ 80 mil. “Eles tiveram 90 dias para se padronizar e auxílio com os equipamentos cedidos pelas cervejarias. Não podemos permitir que um pequeno grupo de pessoas queiram tumultuar e praticar vandalismo porque querem ocupar irregularmente o espaço público”, salientou a secretária. A Portaria 202/2013, que regulamenta o ordenamento na orla da cidade, foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) no final de 2013.

Além de Itapuã, a operação de fiscalização, que é permanente e vai ser intensificada, ocorreu na praia de Stella Mares. A ação contou com aproximadamente 35 agentes de fiscalização da Semop e com apoio de 40 homens da Guarda Municipal. Na operação realizada aproximadamente 640 equipamentos foram apreendidos.

Fonte: Grande Salvador

Next Post

Cantar a cultura “praieira” é a marca do grupo Jangadeiros de Itapuã

Quem mora em Itapuã, provavelmente sabe que as noites de quarta-feira são mais animadas por causa dos batuques e cantos embalados pelos Jangadeiros. O grupo idealizado em 2005, pelo músico Ciro Júnior, o Cuca (39) é conhecido por promover o resgate das chamadas músicas itapuãzeiras – melodias enraizadas na cultura […]