Vereadora propõe construção de sistema de distribuição de água em Itapuã

Redação

A viabilidade de estudo para a construção de sistema emergencial de coleta e distribuição de águas pluviais em Itapuã foi indicada pela vereadora Lorena Brandão (PSC) ao prefeito ACM Neto. Para a legisladora, a medida é necessária por conta do serviço deficitário prestado não só ao bairro, como à cidade e as decorrentes reclamações de populares.

“Andando pelas comunidades, percebemos que a falta de água está entre as principais demandas. Isso é inadmissível. A Embasa precisa tomar providências e resolver este problema. A água, além de ser um direito de todos, é um bem essencial para o dia-a-dia e nosso bem-estar. Salvador é uma cidade com bom índice pluviométrico”, disse a vereadora.

Além de Itapuã, a edil indicou este estudo de viabilidade para os seguintes bairros: Bonfim, Valéria, Uruguai, Tancredo Neves, Ribeira, Sete de Abril, Sussuarana, São Cristóvão, São Caetano, Pernambués, Ipitanga, Pau da Lima, Lobato, Liberdade, Brotas, Cajazeiras e Cabula.

Confira abaixo o projeto de indicação na íntegra:

PROJETO DE INDICAÇÃO Nº 249/17

Considerando que:

a) a Embasa tem prestado um serviço de fornecimento de agua bastante deficitário na cidade de Salvador;
b) em decorrência disto, vários bairros de Salvador têm enfrentado constantemente a falta de água que muitas vezes duram dias;
c) Salvador é uma cidade com bom índice pluviométrico, que anualmente fica em cerca de 2.000 mm de chuva
d) considerando ainda que por seu clima tropical e por ser uma cidade litorânea Salvador registra chuva todos os meses do ano especialmente entre abril e julho onde o índice aumenta;
e) finalmente, considerando a existência de tecnologias de baixo custo e pouco agressivas ao meio ambientalmente, das mais complexas às mais simples, e estrutura Municipais como as Prefeituras Bairro;

A CÂMARA MUNICIPAL DE SALVADOR INDICA: ao prefeito, a promover um estudo de viabilidade e construção de sistema emergencial de coleta e distribuição de águas pluviais no Bairro de Itapuã.

Sala das Sessões, 13 de março de 2017.
LORENA BRANDÃO

Next Post

Empresários de Itapuã se unem para movimentar economia local

Empresários de Itapuã que atuam em diversos segmentos decidiram se unir para driblar a crise econômica do país, que também tem afetado o comércio local. A mobilização foi proposta pelo ITAPUÃCITY e já resultou na criação de um grupo no whatsapp, onde diariamente são discutidas ideias para impulsionar os negócios […]