4 de junho de 2020

Sucop garante limpeza e reforma do Rio Xangô no km 17 ainda este ano

O estado degradante do Rio do Bispo ou Rio Xangô localizado no km 17, em Itapuã, está prejudicando o cotidiano de moradores da região. Além de ter virado depósito de lixo e entulho a céu aberto, a área se torna perigosa por conta da falta de segurança na estrutura da ponte.

Em entrevista ao jornal Bahia Meio Dia, o diretor de Manutenção e Conservação da Superintendência de Conservação e Obras Públicas do Salvador (Sucop), Luciano Sandes, afirmou que o serviço de coleta é realizado diariamente e garantiu a limpeza do canal ainda este ano.

“A Limpurb faz a coleta todos os dias, de segunda a sábado e aos domingos faz uma varredura geral. Todos os dias são recolhidos cerca de dez toneladas de resíduos sólidos e nove toneladas de entulho”, disse.

Segundo Sandes, a limpeza do canal foi realizada em agosto do ano passado. “O mato que cresce é devido a presença de esgotos que são ricos em nutrientes orgânicos e começam a proliferar. Já estamos com uma programação de outra limpeza para 2014 no rio Jaguaribe, onde o Xangô é um afluente”.

Sobre a ponte, o diretor informou que a questão será levada para a superintendência do órgão e garantiu obter em no máximo 30 dias um direcionamento sobre a reforma.

Para conferir a matéria completa clique na imagem:

rioxango

Fonte: ItapuãCity